O que é : Lagar – Local onde as uvas são pisadas para fazer vinho.

O que é Lagar – Local onde as uvas são pisadas para fazer vinho

No mundo do vinho, o processo de produção é repleto de termos e técnicas específicas. Um desses termos é “lagar”, que se refere a um local onde as uvas são pisadas para a produção de vinho. Neste artigo, vamos explorar em detalhes o que é um lagar, como ele funciona e sua importância na produção de vinhos.

O processo de produção de vinho

Antes de entrarmos nos detalhes sobre o lagar, é importante entendermos o processo de produção de vinho como um todo. A produção de vinho envolve diversas etapas, desde o cultivo das uvas até o engarrafamento do produto final.

Primeiramente, as uvas são colhidas dos vinhedos. Essas uvas podem ser de diferentes variedades, cada uma contribuindo com características únicas para o vinho. Após a colheita, as uvas são transportadas para a vinícola, onde o processo de vinificação tem início.

O que é um lagar?

Um lagar é um local específico dentro da vinícola onde as uvas são pisadas para a extração do suco. Tradicionalmente, o lagar era um grande tanque de pedra ou madeira, onde as uvas eram colocadas e pisadas por pessoas, conhecidas como “lagareiros”.

Atualmente, os lagares podem ser feitos de diferentes materiais, como aço inoxidável, mas a técnica de pisar as uvas ainda é utilizada em algumas vinícolas, principalmente nas regiões tradicionais de produção de vinho.

Como funciona um lagar?

O processo de pisar as uvas em um lagar é bastante simples. As uvas são colocadas no lagar e as pessoas responsáveis pela pisagem entram no tanque. Com os pés descalços, elas pisam as uvas, liberando o suco que será utilizado na produção do vinho.

Essa técnica de pisar as uvas é conhecida como “pisa a pé” e é considerada uma forma tradicional e artesanal de extrair o suco das uvas. Além disso, a pisagem das uvas também contribui para a liberação de compostos presentes na casca das uvas, que podem influenciar no sabor e aroma do vinho.

A importância do lagar na produção de vinhos

O lagar desempenha um papel fundamental na produção de vinhos, especialmente nos vinhos de qualidade superior. A pisagem das uvas em um lagar permite uma extração mais suave do suco, evitando a quebra das sementes e a liberação de taninos indesejados.

Além disso, a pisagem das uvas também contribui para a maceração das cascas, o que resulta em uma maior extração de cor, aroma e sabor. Essa maceração é especialmente importante para a produção de vinhos tintos, onde a cor e os taninos são elementos-chave.

A evolução dos lagares

Ao longo dos anos, os lagares passaram por diversas transformações. Antigamente, os lagares eram construídos em pedra ou madeira, com uma forma específica para facilitar a pisagem das uvas.

No entanto, com o avanço da tecnologia e a busca por maior eficiência na produção de vinhos, os lagares foram sendo substituídos por equipamentos mais modernos, como prensas hidráulicas e tanques de fermentação controlada.

A preservação da tradição

Mesmo com a evolução tecnológica, muitas vinícolas ainda preservam a tradição da pisagem das uvas em lagares. Essas vinícolas acreditam que a técnica tradicional contribui para a qualidade e autenticidade dos vinhos produzidos.

Além disso, a pisagem das uvas em lagares também é uma forma de manter viva a história e cultura do vinho, transmitindo conhecimentos e técnicas ancestrais para as gerações futuras.

Conclusão

O lagar é um local de extrema importância na produção de vinhos, onde as uvas são pisadas para a extração do suco. Essa técnica tradicional contribui para a qualidade e autenticidade dos vinhos produzidos, além de preservar a história e cultura do vinho. Mesmo com o avanço da tecnologia, muitas vinícolas ainda utilizam lagares em seus processos de produção, valorizando a tradição e transmitindo conhecimentos ancestrais.