O que é : Jerusalém celestial, descrição em Apocalipse?

O que é a Jerusalém celestial?

A Jerusalém celestial é uma cidade mencionada no livro do Apocalipse, também conhecido como Revelação, que é o último livro do Novo Testamento da Bíblia. Neste livro, o apóstolo João descreve uma visão que teve do céu, onde viu uma nova Jerusalém descendo do céu, vinda de Deus. Essa cidade é descrita como sendo a morada de Deus e dos santos, um lugar de paz, beleza e perfeição.

Descrição da Jerusalém celestial em Apocalipse

No capítulo 21 do livro do Apocalipse, João descreve detalhadamente a Jerusalém celestial. Ele começa descrevendo a cidade como tendo uma grande e alta muralha, com doze portas guardadas por anjos. Cada porta é feita de uma única pérola, e os nomes das doze tribos de Israel estão escritos nelas. A muralha tem doze fundamentos, com os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro escritos neles.

Além disso, João descreve a cidade como tendo uma praça de ouro puro, transparente como vidro. No centro da cidade, há um trono de Deus e do Cordeiro, e um rio de água da vida, claro como cristal, que flui do trono. Nas margens do rio, há a árvore da vida, que produz doze tipos de frutos, um para cada mês do ano. As folhas da árvore são para a cura das nações.

A beleza e a glória da Jerusalém celestial

A descrição da Jerusalém celestial em Apocalipse revela a sua beleza e glória. João descreve as ruas da cidade como sendo de ouro puro, transparente como vidro. Ele também menciona que a cidade não precisa de sol nem de lua para brilhar, pois a glória de Deus a ilumina, e o Cordeiro é a sua lâmpada.

Além disso, João descreve a Jerusalém celestial como sendo uma cidade perfeitamente simétrica, com medidas proporcionais e precisas. Ele menciona que a cidade tem doze mil estádios de comprimento, largura e altura, o que indica uma perfeição divina em sua construção.

A morada de Deus e dos santos

A Jerusalém celestial é descrita como sendo a morada de Deus e dos santos. João menciona que o próprio Deus habitará com os homens na cidade, e que Ele enxugará dos seus olhos toda lágrima. Não haverá mais morte, tristeza, choro ou dor, pois todas as coisas antigas terão passado.

Além disso, João menciona que os santos terão acesso à árvore da vida e ao rio da água da vida, e que eles reinarão para sempre com Deus na Jerusalém celestial. Essa é a promessa de vida eterna e comunhão perfeita com Deus para aqueles que creem.

A importância da Jerusalém celestial para os cristãos

A Jerusalém celestial tem uma grande importância para os cristãos, pois representa a esperança da vida eterna e da comunhão perfeita com Deus. Ela é vista como um lugar de paz, beleza e perfeição, onde não há mais sofrimento, dor ou morte.

Além disso, a Jerusalém celestial é um lembrete do cumprimento das promessas de Deus para o seu povo. Ela representa a realização das profecias bíblicas e a vitória final sobre o mal e a morte.

A Jerusalém celestial como inspiração para os cristãos

A descrição da Jerusalém celestial em Apocalipse serve como uma inspiração para os cristãos, pois mostra o que está reservado para aqueles que creem em Deus e seguem os seus mandamentos. Ela é um lembrete de que, apesar das dificuldades e tribulações desta vida, há uma esperança e uma recompensa eterna aguardando os fiéis.

Além disso, a Jerusalém celestial também serve como um lembrete da importância de viver de acordo com os princípios e valores do Reino de Deus. Ela representa a perfeição e a santidade que Deus deseja para os seus filhos, e incentiva os cristãos a buscarem uma vida de retidão e obediência a Deus.

A Jerusalém celestial como símbolo da nova criação

A Jerusalém celestial também é vista como um símbolo da nova criação que Deus está realizando. Ela representa a restauração completa e final de todas as coisas, quando Deus fará novas todas as coisas e eliminará todo o mal e a corrupção do mundo.

Assim como a Jerusalém celestial desce do céu, vinda de Deus, a nova criação também será um ato divino, onde Deus fará novas todas as coisas e estabelecerá o seu reino de justiça e paz.

A espera pela Jerusalém celestial

Os cristãos aguardam com esperança a realização da promessa da Jerusalém celestial. Eles sabem que esta vida é passageira e cheia de dificuldades, mas têm a certeza de que há uma vida eterna e perfeita aguardando por eles.

Enquanto aguardam pela Jerusalém celestial, os cristãos são chamados a viver de acordo com os princípios e valores do Reino de Deus, buscando a santidade e a retidão em todas as áreas de suas vidas.

Conclusão

A Jerusalém celestial é uma cidade descrita no livro do Apocalipse como sendo a morada de Deus e dos santos. Ela é descrita como um lugar de paz, beleza e perfeição, onde não há mais sofrimento, dor ou morte. A descrição da Jerusalém celestial serve como uma inspiração para os cristãos, mostrando o que está reservado para aqueles que creem em Deus e seguem os seus mandamentos. Além disso, a Jerusalém celestial também é vista como um símbolo da nova criação que Deus está realizando, representando a restauração completa e final de todas as coisas. Os cristãos aguardam com esperança a realização da promessa da Jerusalém celestial, enquanto vivem de acordo com os princípios e valores do Reino de Deus.