O que é : Bíblia Septuaginta – Tradução grega do Antigo Testamento

O que é a Bíblia Septuaginta?

A Bíblia Septuaginta é uma tradução grega do Antigo Testamento, que foi realizada no período entre o século III a.C. e o século I a.C. Essa tradução é considerada uma das mais importantes versões da Bíblia, pois teve um papel significativo na disseminação das Escrituras Sagradas e na preservação do conhecimento religioso e histórico do povo judeu.

A origem da Bíblia Septuaginta

A tradução da Bíblia para o grego foi necessária devido à diáspora judaica, que ocorreu após a conquista da Palestina pelos gregos. Muitos judeus passaram a viver em regiões onde o grego era a língua predominante, o que dificultava a compreensão das Escrituras em hebraico. Assim, surgiu a necessidade de uma versão em grego que fosse acessível a esses judeus.

Acredita-se que a tradução da Bíblia para o grego tenha sido realizada por um grupo de setenta ou setenta e dois sábios judeus, daí o nome “Septuaginta”, que significa “setenta” em latim. Segundo a tradição, esses sábios teriam sido convocados pelo rei Ptolomeu II, do Egito, para realizar a tradução em Alexandria.

Características da Bíblia Septuaginta

A Bíblia Septuaginta é composta pelos livros do Antigo Testamento, incluindo os livros canônicos e alguns livros deuterocanônicos, que não são reconhecidos como sagrados por todas as denominações religiosas. Essa tradução foi muito influente no mundo greco-romano, sendo amplamente utilizada pelos judeus da diáspora e pelos primeiros cristãos.

Uma das características marcantes da Septuaginta é o fato de que ela apresenta algumas diferenças em relação ao texto hebraico original. Essas diferenças podem ser atribuídas a erros de tradução, variações textuais ou até mesmo a acréscimos e modificações propositais realizados pelos tradutores. Além disso, a Septuaginta também incluiu alguns livros que não fazem parte do cânon hebraico.

A importância da Bíblia Septuaginta

A Bíblia Septuaginta desempenhou um papel fundamental na preservação e disseminação das Escrituras Sagradas. Ela permitiu que os judeus da diáspora e os primeiros cristãos tivessem acesso às Escrituras em uma língua que compreendiam, facilitando assim a propagação do conhecimento religioso e a formação de comunidades judaicas e cristãs.

Além disso, a Septuaginta exerceu uma influência significativa sobre a literatura e a cultura do mundo greco-romano. Muitos autores e filósofos da época faziam referência aos textos da Septuaginta em suas obras, o que contribuiu para a disseminação dos ensinamentos religiosos e éticos presentes na Bíblia.

A Bíblia Septuaginta e o cristianismo

A Bíblia Septuaginta desempenhou um papel fundamental no desenvolvimento do cristianismo. Os primeiros cristãos utilizavam amplamente os textos da Septuaginta em suas pregações e escritos, pois essa tradução grega era mais acessível e compreensível para as comunidades greco-romanas.

Além disso, a Septuaginta foi a versão da Bíblia mais utilizada pelos apóstolos e pelos primeiros pais da Igreja, que a consideravam autoritativa e inspirada. Muitas citações do Antigo Testamento presentes no Novo Testamento são baseadas na Septuaginta, o que demonstra a sua importância para a formação do cânon cristão.

A influência da Bíblia Septuaginta na cultura contemporânea

A Bíblia Septuaginta continua exercendo uma influência significativa na cultura contemporânea. Muitas traduções modernas da Bíblia utilizam a Septuaginta como base para a tradução do Antigo Testamento, devido à sua importância histórica e literária.

Além disso, a Septuaginta também é estudada por acadêmicos e pesquisadores, que buscam compreender melhor a história do povo judeu, a formação do cânon bíblico e as influências culturais e religiosas presentes na tradução grega.

Conclusão

A Bíblia Septuaginta é uma tradução grega do Antigo Testamento que teve um papel fundamental na disseminação das Escrituras Sagradas e na preservação do conhecimento religioso e histórico do povo judeu. Essa tradução foi realizada por um grupo de sábios judeus e apresenta algumas diferenças em relação ao texto hebraico original. A Septuaginta exerceu uma influência significativa sobre a cultura greco-romana e teve um papel fundamental no desenvolvimento do cristianismo. Atualmente, a Septuaginta continua sendo estudada e utilizada como base para traduções modernas da Bíblia.